sexta-feira, 16 de março de 2012

  Depois de algum tempo, cá estou eu aqui para falar de um super trabalho de um dos diretores asiáticos que eu mais admiro pela bela construção de seus filmes: Ki-Duk Kim. E como era de se esperar, esta é mais uma super produção e trabalho seu. Este em especial, entrou para minha lista de filmes favoritos tanto pela beleza estética (inquestionável) quando pela beleza da história em si. Vamos aos comentários?




   Sinopse: Ninguém é indiferente ao poder das quatro estações e de seu ciclo anual de nascimento, crescimento e declínio. Nem mesmo os dois monges que compartilham a solidão, em um lago rodeado por montanhas. Assim como as estações, cada aspecto de suas vidas é introduzido com uma intensidade que conduz ambos a uma grande espiritualidade e a tragédia. Eles também estão impossibilitados de escapar da roda da vida, dos desejos, sofrimentos e paixões que cercam cada um de nós. Sobre os olhos atentos do velho monge vemos a experiência da perda da inocência do jovem monge, o despertar para o amor quando uma mulher entra em sua vida, o poder letal do ciúme e da obsessão, o preço do perdão, o esclarecimento das experiências. Assim como as estações vão continuar mudando até o final dos tempos, na indecisão entre o agora e o eterno, a solidão será sempre uma casa para o espírito.




  Depois de uma sinopse dessas, eu acho que deu pra entender bem a idéia do filme. O silêncio do filme, a não necessidade de muitos diálogos pra se transmitir a ideia principal é um dos recursos que o Ki-Duk Kim sempre utiliza e me deixa cada vez mais fascinada. E as frases que eram ditas, eram sempre dotadas de sabedoria: "Luxúria desperta o desejo de possuir. E isso desperta a intenção de matar..." Uma de minhas frases favoritas do filme. Além disso, o cenário e a fotografia eram essencialmente belos, dotados de uma riqueza simbólica sem igual.







  Assim como as estações do ano, o ciclo para o homem e para os personagens, se repete, dando essa idéia de uma eterna circularidade. Cada sentimento é contemplado em perfeita harmonia com as estações do ano... Não há como não se apaixonar pelo simbolismo do filme. Um idéia aparentemente simples, mas dotada de uma complexidade subjetiva sem igual. É um filme intenso e marcante. Além de tudo isso, é uma história que aborda também sobre as consequências de nossas escolhas e suas repercussões. Sem dúvidas, riquíssimo; se assistido novamente tem sempre algo novo a se descobrir.




  Disseram uma vez que este filme é uma poesia em forma de silêncio. E eu concordo perfeitamente com cada palavra que constitui essa frase. O próprio título já indica a idéia principal da história: a vida é um ciclo em que o recomeço é sempre eterno. Uma verdadeira obra de arte, não?



  A trilha sonora é outra característica à parte: belíssima! Um toque bem asiático e um tanto quanto peculiar. Os atores não deixaram nada a desejar. Foram fantásticos em sua proposta. Eu espero que vocês anotem essa dica e não demorem tanto tempo pra assistir, pois vale muito a pena. Não esqueçam de curtir nossa página no facebook e deixar o seu comentário.! :D Quando eu tiver mais um tempinho, trago mais novidades pra vocês. Até a próxima. :D




  O download pode ser feito no Filmes com Legenda.
Reações:
Posted by Cecília On 09:42 7 comments

7 comentários:

  1. Nossa... que filme mais profundo, gosto de coisas assim*.* onde baixo ele? rsrs
    Estou aqui tb para dizer que seu blog ganhou uma tag! YEY!!parabens ^^ Passa no kuro neko pra ver!
    http://kuronekoasian.blogspot.com/2012/03/fui-tagueada-o.html

    ResponderExcluir
  2. eitaa eu quero onde posso baixar?

    ResponderExcluir
  3. Q profundidade Ceci, aí um filme q parece ser obrigatório assistirmos, boa fotografia, e frases q nos fazem refletir, parece ser o filme... Adorei sua recomendação, agora é só procurar aonde baixar... bjos Ceci...

    ResponderExcluir
  4. Gente,
    eu fiiiz o post tão apressada pra ir pra faculdade que esqueci de dizer onde baixar: http://filmescomlegenda.net/fcl/primavera-verao-outono-inverno-e-primavera-bom-yeoreum-gaeul-gyeoul-geurigo-bom-spring-summer-fall-winter-and-spring-2003/ desculpem-me.

    ResponderExcluir
  5. Que lindo, Ceci! Certamente é de uma poesia sem igual, vale a pena,vou conferir assim que possivel *-*

    ResponderExcluir
  6. Curti as imagens, que cenário lindo!
    Valeu!
    Ótima atualização ^^

    ResponderExcluir
  7. Daniela Schroff Machado17 de março de 2012 12:49

    Amiga, eu tenho esse filme no PC, mas nunca vi!
    Vou aproveitar o fim de semana e assistir!
    Obrigada, hein?
    Besitos! :*

    ResponderExcluir

Gente, o comentário de vocês é muito importante! hihi Aguardo ansiosamente pela opinião de vocês ;)

  • RSS
  • Delicious
  • Digg
  • Facebook
  • Twitter
  • Linkedin
  • Youtube